CONVERSAS COM O TRAVESSEIRO Silvinhapoeta R$40,00
Palavra é arte Silvinhapoeta R$30,00
 

Silvinha Poeta

O corpo fala

Textos


Fragmento de narrativa - II

" Não falavam; cada um pensava com tristeza no erro que haviam cometido. Nunca deviam ter feito isso às escondidas do padrinho. Nunca. Que estariam pensando ele, madrinha e os primos naquele instante? Quem sabe estariam aflitos, desesperados mesmo, ao ver que os meninos não voltavam e já era noite fechada? Que arrependimento!"
(DUPRÉ, Maria José. A ilha perdida. Ilustr. Edmundo Rodrigues. 11. ed. São Paulo: Ática, 1978, p.28).

MODELO: Eufórico: Há presença marcante da assimetria adulto/criança, o trecho apresenta um respeito da criança para com o adulto que é tido como modelo. Há negação da experiência exterior, as personagens infantis, saindo do universo familiar em busca de experiência no mundo, arrependem-se de sua atitude, voltando à tranquilidade de seus lares.

Foto - referência: https://www.google.com.br/search?q=A+ilha+perdida&rlz=1C1VASI_enBR514BR514&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwj46MKprbbeAhWCvZAKHSnDDNwQ_AUIECgD&biw=1024&bih=608#imgrc=3kG0KBgvVEcnAM:
Silvinhapoeta
Enviado por Silvinhapoeta em 02/11/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras