Leveza da alma - uma captura do ser através d... Silvinhapoeta R$40,00
CONVERSAS COM O TRAVESSEIRO Silvinhapoeta R$40,00
Palavra é arte Silvinhapoeta R$30,00
 

Silvinha Poeta

O corpo fala

Textos

Jargões e bordões

Pelo dicionário:
Jargão
substantivo masculino
1.linguagem viciada, disparatada, que revela conhecimento imperfeito de uma língua.
2.p.ext. qualquer linguagem (em especial, língua estrangeira) incompreensível.

bordão
substantivo masculino
1.cajado grosso, por vezes arqueado na parte superior, us. esp. como apoio.
2.fig. quem ou o que ampara, ajuda, socorre.
"nas horas amargas, a irmã é seu b."

Sabemos que a Língua não é estática e é mutável de acordo com a história, costumes de um povo.
Portanto, gírias que antigamente eram a linguagem de marginalizados e “manos”, com o passar do tempo jovens e qualquer um usa tal linguagem.
Bordões são expressões usadas em determinadas situações, criadas por alguém e que vira moda.
São ditados ou termos populares que através dos anos permaneceram sempre iguais, significando exemplos morais, filosóficos e religiosos.
Para quem tem mais de quatro décadas, vai se lembrar de alguns bordões dos desenhos animados:

O que é que há velhinho? (Pernalonga)
“Eu acho que vi um gatinho.” (Piu Piu, em Looney Tunes)
“Yabba Dabba Doo!” (Fred Flintstone, em Os Flintstones)
“Pelos poderes de Greyskull! Eu tenho a força!” (He-Man)
“Vamos nós!” (Os Impossíveis)
“Você é desprezível!” (Patolino, em Pernalonga e Seus Amigos)
“Não tem respeito!” (Tutubarão)
“Muttley, faça alguma coisa!” (Dick Vigarista, em Máquinas Voadoras)
“Medalha, medalha, medalha!” (Muttley, em Máquinas Voadoras)
“Do tamanho de um…” (um animal qualquer) (Bez, em Os Cavaleiros da Arábia)
Não é mamãe!” – Baby da Família Dinossauro
“Oh, vida… ó azar… eu sabia que não ia dar certo.” (Hardy Har Har em Lippy & Hardy)
“Hoje eu vou taçar toelho!” (Hortelino Troca-Letra, em Pernalonga e Seus Amigos)
E das novelas e programas de TV:

“E o salário, ó” – Chico Anisio
É vapt, vupt!- Chico Anisio
Aí, eu vou pra galera. – Seu Boneco da Escolinha do professor Raimundo
Estou porrrr aqui! – Seu Peru da Escolinha do professor Raimundo
To certo, ou to errado? – Sinhozinho Malta de “Roque Santeiro”
Mulher de catiguria – Bebel de Paraíso Tropical
“Ripa na chulipa e pimba na gorduchinha”
“Um jogo só acaba quando termina”
“Tipo assim”- Tati – personagem da Escolinha
Fontes:
https://vejasp.abril.com.br/blog/memoria/bordoes-inesqueciveis-dos-desenhos-animados/
http://canalviva.globo.com/especiais/mais-da-tv/materias/relembre-os-bordoes-e-personagens-da-escolinha-do-prof-raimundo.htm
http://www.huffpostbrasil.com/2014/02/06/20-bordoes-de-novelas-que-mudaram-a-historia-do-brasil_a_21664430/
Há os jargões estrangeiros como feedback (dar retorno), deadline (prazo final), briefing (todas as informações necessárias para a realização de algo), case (estudo do caso), etc. Bordões são expressões usadas em determinadas situações, criadas por alguém e que vira moda.
São ditados ou termos populares que através dos anos permaneceram sempre iguais, significando exemplos morais, filosóficos e religiosos.
Assim, a Língua como ciência e História vai se modificando através dos tempos e ficando cada vez mais rica.
Silvinhapoeta
Enviado por Silvinhapoeta em 14/11/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras